top of page
  • Foto do escritorAna Sou

Grelhas e Portais

- Grelha Cristalina, Grelha de Luz e Grelha Solar -


Há três Grelhas principais que operam através e à volta da Terra. Estas são parte integrante e fundamental da energia que sustenta o Planeta e o conecta ao Sistema Solar, aos Universos, às Galáxias e ao Cosmos, descoberto e por descobrir.


É como se tudo formasse um único corpo que à semelhança do nosso funciona coeso, em perfeição e integridade.

Digamos que estas três Grelhas – a Cristalina, a de Luz e a Solar – são corpos vibracionais e os Portais são os chakras e os nádis. Em conjunto formam um intrincado de padrões geométricos sagrados que desde o quantum ao macro funcionam em perfeita interligação.


Aceder energética e multidimensional a estes é função sagrada de muitos de nós, uma vez que é a nossa presença e o nosso trabalho incondicional de Alma que mantém o fluir saudável dos fluxos energéticos, promove os alinhamentos e os despertares conscienciais de acordo com o Propósito Divino.


Esta é uma tarefa feita frequentemente em viagem astral ou em estados alterados de consciência, enquanto estamos em estado meditativo profundo ou “a dormir”. É nestes momentos que mais facilmente nos conectamos e activamos os códigos de Luz, intencionalmente, adormecidos após a queda da Atlântida. Naturalmente, tal só pode ser feito seguindo a orientação do Princípio Criador Mãe-Pai Divinos. É uma tarefa sem ego, é um chamado, uma missão que nos acompanha desde o nascimento cósmico.


Já em tempos falei das civilizações que auxiliaram na fundação da vida na Terra.

Na altura falei da civilização de Elysium Avalon, uma das primeiras a surgir no planeta, tendo referido que era uma civilização etérea, cujas cidades eram pirâmides translúcidas flutuantes, nas quais os seus habitantes – seres de nona dimensão e superiores, seres originários de Andrómeda e de Lyra, principalmente – auxiliavam na estabilização energética do planeta pela intenção pura, tendo estabelecido as Grelhas de Luz e Solar.


Entretanto, a auxiliar a estabilização do magma, da crosta, da água, da Terra e dos cristais (que na altura eram gigantescos e irrompiam da Terra como “arranha-céus”) estiveram os Draconianos – o Povo Dragão, o povo dador da Vida, do fogo da criação – que receberam auxílio do Povo Serpente e dos Repteis – que auxiliaram os Draconianos na abertura de túneis intermináveis no interior da Terra. Em Portugal, muitos são aqueles que descendem do Povo Serpente enquanto filhos de Ophiussa.


Foram estes povos que teceram a Grelha Cristalina, que é aquela que interconecta a energia presente em todos os Cristais que habitam o planeta. Uma vez que estes são electromagnéticos, esta Grelha também o é.

Nos pontos de intersecção energética destes túneis com os cristais é onde se encontram os Portais (sendo que nos pontos de maior aglomeração de cristais e pedras preciosas temos as espirais do Dragão ou Vórtices da Serpente, em suma, a vibração da Fénix) e os nádis que nos ligam ao Todo e que eram bem conhecidos dos Povos Ancestrais que neles erigiram pirâmides, Templos, alinhamentos, círculos de Pedras e outros que ainda hoje podemos visitar e aceder energética ou fisicamente, descobertos ou por descobrir.


A rotação energética nestes funciona tanto em sentido horário como em sentido anti-horário, tal como o nosso próprio sistema de chakras.

À medida que a energia espiral da Fénix é activada nestes assim também o é em nós transportando-nos a novos níveis de consciência, de iluminação.


A Grelha de Luz é aquela que nos interconecta a Todos ao nível do Eu Superior e Essência, pelo que vibra ao nível da quinta e sexta dimensões. É a esta que acedes quando meditas e experiencias a sensação de fusão ou quando te ligas a outros que, tal como tu, têm como missão ancorar a Cura e a Luz nesta dimensão…


Já a Grelha Solar é aquela que conecta a energia dos 12 Discos de Ouro do Sol, como os Discos de Ouro de Mú (dos quais também já falei) e que nos conectam aos doze sóis centrais, às doze Galáxias originais, ao Conselho supremo composto pelas 12 qualidades do Princípio Criador Mãe-Pai Divinos.


Apesar de ainda vibrarem em dimensões muito superiores, alguns destes discos já estão a ser activados. Como é o caso daquele (do qual já falei) que foi protegido do saque perpetrado pelos espanhóis ao ser resguardado junto com os Intraterrenos por um sacerdote Maia que o transportou através do Portal de Amaru Muru próximo do Lago Titikaka, no Peru, e que já tinha tido a função de o codificar na sua vida enquanto Lemuriano, antes da queda da Humanidade na Matriz do Poder e da Ilusão.


É esta activação que, juntamente com a energia e o trabalho operado nas outras grelhas, tem permitido a emissão dos Raios de Luz Diamante e Dourado, as mais altas vibrações cósmicas, que tanto têm auxiliado no processo de consciencialização da Terra e da Humanidade e consequentemente de todo o Cosmos e às quais alguns de nós acedem naturalmente por tal ser um direito de nascimento que é algo que traz um enorme sentido de Purificação, Cura, Perdão, Propósito, Dever e Missão.


Numa próxima mensagem abordarei os Portais e a ligação entre eles.

No entretanto, cabe-me fazer-te um apelo para que te sintonizes com o chamado da tua Alma, para que te permitas recordar os teus dons e operar altruisticamente para o teu maior Bem, de Todos e do Todo.

Lembra-te: quando o caminho é mais tortuoso e sofrido também maiores são os Dons. Nada te é dado a experienciar que não tenhas os recursos para curar, perdoar, superar e amar.

A nem todos é pedido que percorram o caminho dos Iniciados mas aos que em Alma vibram com este chamado este é o tempo de Ser sem máscaras, em serviço, integridade e muito Amor.


Ana Sou

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo

Existir ...

bottom of page