top of page
  • Foto do escritorAna Sou

Querer Amor


Querer Amor

Eu não quero Amor Quere-lo pressupõe que me é externo Ou ausente Que me falta Ou é carente

Eu SOU Amor Um Amor quente E terno Como água límpida Que jorra da fonte Sempre... Um Amor Fusão nos elementos

Em Mim o cálice Caudal Infinito Em dádiva expressa No pleno aMar Onde vaga a respirar Desagua no estar

Eu não quero Amor

Respiro-o na pele Que me expressa O infinito No Corpo Templo Que sente Doa E Ama Nunca ausente.

Assim a sós Assim contigo No tempo sem tempo Onde o acontecer Se revela Num Abraço Que desnuda a Alma Num olhar que veste o Ser Das enézimas vidas No Agora

Num entrelaçar Hélices de ADN Que despertam O recordar

Eu não quero Amor Respiro-Me-Te No Templo que se veste de Ser Simples

EU AMO

Ana Sou

9 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page