top of page
  • Foto do escritorAna Sou

PERMITIR


PERMITIR Etimologicamente tem a sua origem no Latim "PERMITTERE" que significa “deixar seguir, deixar passar”, de PER, “através”, mais MITTERE, “enviar, deixar ir”.

Deixa que flua através de Ti. Seja o que for. Permite. PermiteTe.

És caudal de Luz e de Amor. És Ponte Antakharana, Kundalini Cósmica e Terrena que nada contém pois em Si tudo É. Simplesmente em plena Consciência, Dádiva e Amor ... em CorAção Te escolheste em Templo Humano que em Si encerra e dá forma ao Portal Uno da Criação ... Vaso Puro e Iniciático, Ovo Divino És. Encontra-Te no espaço para lá da mente que te mente e eclode para lá do Tempo.

PermiteTe diluir no que Te envolve, no que te define e acolhe, no que te nutre e expressa, no que te ReSignifica, no que te É ... Amor. Afinal, tudo o mais É Ilusão.

É nesse Diluído estar do Ser que a Vida se apresenta Magnificente, que o Olhar Unifica Consciência, o Coração expande SEntiR e o centro de Poder coCria e expressa o prazer do Agir.

Permite PermiteTe

Nada mais te É pedido.

Em verdade, Permitir o fluir do teu Eu Divino na experiência do Humano Templo É a tua única Missão, o Propósito Único da Criação, e esse é tão diverso quanto Eu me Ser em Ti, em cada um de Vós e Tu/Vós em Mim, a cada inspirar.

No Inspirar, no Permitir e no aMar, SOMOS!

AMOTEME

Ana Sou

9 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page