top of page
  • Foto do escritorAna Sou

Laivo de luz


Um caminho pele

Delineia-se nos sentidos

Ávidos de entardecer

Que o corpo

É o luar

Onde céu e mar se tocam

Num abraço firmamento

Que traz crepúsculo

Lar de estrelas

Ao olhar...


Laivo de luz

Em cadente raio

Que enobrece o estar

Desperta Ser

no âmago da pele

Que se faz cosmos

De Te bem querer

Que infinito é o Ser

Que no ver se presenteia

Infinito

A despontar lua

Em halos ruivos

D'ouro renasSer

esperança


AMOTE


Ana Sou

7 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page