top of page
  • Foto do escritorAna Sou

Integralidade



Um Ser Humano Consciente do Divino em Si, cuida de todas as suas relações começando por Si mesmo.

Nutre-Se desde o ADN Terreno ao ADN Cósmico e Divino e reconhece que só no equilíbrio dos Sagrados Feminino e Masculino em Si se Permite caminhar Inteiro.

Nessa Consciência sabe que nada nem ninguém existe fora de si pelo que qualquer escolha que vibre desrespeito, menosprezo, desamor em todas as suas formas deve ser reconhecida desde dentro e profundamente nutrida para que se possa Alquimizar e vibrar EssênciAlma.

Um Ser Humano Consciente do Divino em Si reconhece o valor do Ego, do Medo e da Resistência como companheiros de Viagem que lhe Permitem Ser, Aqui e Agora, e lhe trazem todos os Convites a Permitir-Se escolher Viver de acordo com a sua vibração mais elevada.

Sabe que esta escolha surge no reconhecer das Emoções Dor para com Consciência as Honrar sem exceção, prescindindo de se apegar a Elas e, desse modo, mergulhar no SEntiR, vibrar a Alma.

Nessa Consciência sabe, intrinsecamente, que É ao Amar e Ver a Sombra que os Milagres da Luz se expressam.

Nesse Amor cessa a guerra.

Este Ser Humano É um Doulo da Alma, como tal Honra Todas as Mortes e Todos os ReNascimentos como inerentes ao CoCriar, à magia da Criatividade, à experiência da Divindade, ao Ser.

Nesta integridade, reConhece a verdade que nada nem ninguém acontece ou aparece no seu caminho sem Propósito nem existe fora de Si.

Nesta integridade também reconhece os movimentos da Inconsciência como gritos de dor e pedidos de Amor.

Sabe-se Pleno e Honra essa Plenitude com o carinho, frontalidade, transparência, equidade e simplicidade com que vive todas as suas relações, com que se exerce em todas as experiências. Sabe que o desafio é uma Bênção e uma possibilidade de a cada instante, Inspirar e Ser Inspirado.

Nesta Inspiração sabe-se e sente-se VIDA e como tal todos os Elementos, todos os Seres, todas as estações e Todas as paisagens O Habitam... pelo que a cada dia Se Permite Ser e Expressar Todos Eles, ReInventando-Se sempre diferente, sempre Único e sempre Consciente. Nessa Integralidade, EU Acredito, ME Exerço, ME Manifesto e CoCrio, EU Abençoo e Sou.

AMOTE

Ana Sou

(Escrito a vários mil pés de Altitude ... na travessia do Atlântico)

11 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page