top of page
  • Foto do escritorAna Sou

Acolhe as tuas feridas

Atualizado: 13 de jun. de 2022


Na ferida aberta no coração Jorra ouro líquido da fonte Húmus Amor da Criação Da tua ferida aberta no coração Jorra ouro líquido da fonte A expressar Ser em ação Húmus Amor da Criação O que está aberto Permite receber e em fluir Dar o Ser Para além da dor Num AlmAconchego Uno Acolhe as tuas feridas São bálsamo no coração Do Outro que Te sente Que contigo É e Ama Desde a solitude silêncio Que em Amor te contempla Infinita(o) Para além do conceito Para além da ferida que Abençoa a mente Ana Sou (Créditos de imagem RZorpa Ruimonti ) — em São Martinho do Porto

7 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page