Imagem de Peter Lomas por Pixabay 5

5° Chakra Laríngeo – Vishuddha

Corpo Causal ou Intelectual
Aura e Verdade
Elemento Éter – Nota Musical Sol - 16 Pétalas
Cor Predominante: azul celeste

O quinto chacra, também conhecido por Vishuddha significa, em sânscrito, o grande purificador. Este chacra, que possui a cor azul, situa-se sobre a garganta. Corresponde ao plexo laríngeo e está ligado às glândulas: tireoide que está relacionada ao crescimento e aos processos oxidativos e com as paratireoides que controlam o metabolismo do cálcio. Na verdade a tireoide e paratireoide, regulam todo o metabolismo do corpo. Este lótus aparece circundado por dezasseis pétalas nas cores azul-claro, turquesa, lilás e prateado brilhante. Sua função é a inspiração, a criatividade e a comunicação. Conhecido ainda pelo nome de akasha, ele governa o pescoço, os ombros, os brônquios, além da voz. Se constantemente alinhado, auxilia no tratamento às disfunções digestivas. É de frequência vibratória superior.

Sua função fisiológica espiritual é a de transmitir a ideia por meio da fala, pois está ligado à inspiração, à comunicação e à expressão com o mundo. Tem, por isso, grande importância na psicofonia. Quando há dificuldade de comunicação do espírito incorporado, pode-se ativá-lo até provocar a sintonia com a frequência do espírito. Para equilibrar este chacra o mantra é HAM.

É o responsável pela irrigação da boca, garganta e dos órgãos respiratórios. Bem desenvolvido, facilita além da psicofonia, também a clariaudiência. É considerado um excelente filtro energético que bloqueia as energias emocionais, para que elas não cheguem até aos chacras da cabeça.

Ele rege o plexo nervoso: Gânglios, cervicais e medula; os sistemas: fisiológico, Respiratório e endócrino: Tireoide e Paratireoide. Comanda os pulmões, aparelho brônquico, vocal e canal alimentar. É o centro da expressão, comunicação e julgamentos. Está ligado ao trabalho criativo e profissional: músicos, compositores, artistas e oradores. Está associado ao som, ritmo e aos sentidos de audição, paladar e olfato. Sua disfunção ocorre quando não se expressa corretamente dentro da verdade e há censuras, negativismo e hostilidade. Aparece o medo, o retraimento e o fracasso. Gera doenças dos pulmões, garganta, ouvido, bronquite, gagueira, bócio e dificuldades em se expressar.
Relaciona-se com o corpo Intelectual.

Compreensão da Luz, do Ser, memória de vidas passadas e a energia que permeia todo universo. Age como uma ponte de comunicação entre todos os corpos e a sua inteligência está além do dualismo. Quando alerta, acede à sabedoria e ao conhecimento infinito ou superconsciente. Reconhece a Verdade, quando a encontra.

Influência no emocional

Quando equilibrado: sensibilidade e criatividade artística, dom da palavra, do conhecimento, de expressar a alma e a individualidade única, interpretação da sabedoria do coração, clariaudiência, intelecto claro e preciso, independência, justiça imparcial, idealização, entendimento, construção sábia a partir da fala.

Quando em desequilíbrio: tagarelice, má intenção, manipulação intelectual, verborreia, mentalidade e expressão tacanha e rude, pobreza de espírito, temperamento taciturno e rancoroso, criticismo, preconceitos, irreverência, libertinagem, depreciação do sentimento, atitudes extremamente racionais, orgulho do poder de expressão.

Influência no físico

Quando em desequilíbrio: doenças da garganta, laringite, faringite, problemas de tireoide e paratireoide, doenças mentais, depressão, problemas de coluna cervical, de dentes, distúrbios da fala, calo das cordas vocais, falta de criatividade, covardia, timidez, doença nervosa e fobias.

Quando equilibrado: expressa a energia criadora única, unindo o corpo mental e o corpo astral, entendimento, devoção, compaixão e amor, abertura para o espiritual e para o novo, transformações e calma.

O chakra cardíaco é um lugar de encontro e de fusão das energias que fluem descendo do chakra coronário e das energias que sobem do chakra básico, ao passo que o chakra laríngeo funciona como uma passagem. O sistema dos sete chakras é subdividido em dois grupos que apresentam ação recíproca, e o chakra laríngeo faz parte dos dois. Na qualidade de um dos cinco chakras inferiores, ele relaciona-se com um elemento, com uma idade de desenvolvimento e com um sentido. Como o primeiro dos três chakras superiores, ele relaciona-se com a expressão transpessoal e com o Eu superior.
Quando os três chakras superiores se mostram desenvolvidos e equilibrados, costuma-se ter uma perceção mais apurada da necessidade de servir a humanidade, sem viver em isolamento. Serviços prestados à coletividade tornam-se uma parte necessária e intrínseca do desenvolvimento e da perceção da pessoa.

Este chakra, simbolicamente, governa-nos dos 28 aos 35 anos de idade. A pessoa motivada por este chakra dorme em torno de seis horas, mudando de lado.
A ligação com os corpos sutis é mais intensa com o corpo mental inferior que apresenta uma textura nas mesmas cores do chakra laríngeo.

Aquando das comunicações dos mentores, os corpos mentais do médium e do espírito comunicante encontram-se, tornando possível a transmissão da mensagem por meio de palavras. Se houver uma interação ainda maior, envolvendo os chakras cardíaco e frontal, as comunicações serão muito mais claras e precisas.

A paratireoide está contida na própria tireoide e segrega uma hormona que conserva os níveis adequados de cálcio no sangue. A atividade muscular de todos os tipos, incluindo o funcionamento do coração, depende dos níveis corretos de cálcio no plasma sanguíneo. Crianças que não apresentam um bom funcionamento da tireoide sofrem de pouco desenvolvimento intelectual, uma vez que essas hormonas são essenciais para o desenvolvimento do intelecto.

O uso das cores para a cura
Toda a gama do azul, desde o mais fraco até ao mais escuro, afeta o chakra laríngeo. O mais recomendado para a cura é o azul do lápis-lazúli. Turquesa e água-marinha são especialmente úteis no aumento da capacidade de comunicação diante de grandes grupos. Os professores, escritores e profissionais da comunicação podem beneficiar com o uso de roupas com essas tonalidades e meditando sobre essas cores. A cor prateada também fortalece o chakra laríngeo, e deveria ser sempre visualizado quando ocorrem infeções na garganta. Todas estas cores afetam diretamente a tireoide e a paratireoide.