top of page
  • Foto do escritorAna Sou

Abençoado Solstício de Inverno



Compele-me o Ser À contemplação Do dia que se faz perene Para dar lugar À noite que Tudo alumia


Longa é a noite Na vigília da Lua Feminino profundo Que se veste de negro Honrando útero Terra fértil e húmida Que da Vida é sustento


Num anunciar do crescente Sol Em breve a Lua Mingua E nesse bailar Um sussurro de Paz No cachimbo que repousa Sob a embainhada espada Acorda corações Empedernidos Dança SEntiRes de Alma No ReNascer borboleta Do Tempo ungido


É Tempo de Yule Tempo de Honrar a Noite Com Dourado brilho A ativar ADN esquecido Num banho De Ouro Líquido da Fonte No Humano que se vê reconhece e sente Divino


Abençoado Solstício de Inverno! Abençoado ReNascer da Luz Na Terra e no Humano Espírito!


AmoTeMe


Ana Sou

6 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page